Siga a gente!

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Leoninos se preocupam muito com a vida profissional e se dedicam ao máximo para serem reconhecidos e elogiados por seu trabalho.


Michelle Yeoh (06/08)


A bela malaia de ascendência chinesa dedicou-se com afinco ao balé clássico desde os quatro anos, chegando a estudar na London Royal Academy of Dance quando sua família viveu por uns tempos na Inglaterra, na década de 1970. Contudo, uma lesão na coluna vertebral durante uma aula a impediu de se tornar prima ballerina do Royal Ballet, como era seu sonho.

Em 1983, já de volta à sua cidade natal, Ipoh, Michelle venceu o concurso de Miss Malásia, aos 20 anos:



Uma coisa leva à outra e, depois de aparecer em um comercial ao lado de Jackie Chan...



 ... Michelle foi convidada para filmes produzidos em Hong Kong, ao lado do próprio Chan e Chow Yun-Fat. Em 1988, ela se casa com um executivo da indústria cinematográfica e se retira dos filmes. Com o fim do casamento, quatro anos depois, Michelle retorna às telas. A maior parte de seus papéis nessa época requeria competência nas artes marciais, coisa que ela não tinha, mas que compensava tão bem com sua experiência como bailarina, que dispensava dublês e realizava ela mesma todas as acrobacias e cenas de luta. 






Tamanha dedicação, primeiro à dança e depois às lutas, causou até uma deformação nos pés de Michelle, que causa espanto e comentários negativos quando a atriz comparece hoje em dia a eventos usando sandálias:



Esses filmes alcançaram enorme sucesso e chamaram a atenção de Hollywood, o que resultou no convite a Michelle para integrar a memorável galeria de Bond Girls com 007 O Amanhã Nunca Morre, ao lado de Pierce Brosnan, em 1997. Nesse mesmo ano, ela foi escolhida pela revista People uma das 50 pessoas mais bonitas do mundo.





Mas a consagração veio mesmo com O Tigre e o Dragão, de Ang Lee, Oscar de Melhor Filme Estrangeiro de 2001, que tornou Michelle uma celebridade internacional.





Depois desse sucesso, Michelle criou sua própria produtora, a Mythical Films, e participou de uns poucos filmes, chineses ou independentes americanos, com exceção da superprodução Memórias de uma Gueixa, em 2005, e A Múmia: Tumba do Imperador Dragão, em 2008.




Em 2009, ela apresentou o documentário da National Geographic Among the Great Apes with Michelle Yeoh.




E por anda Michelle hoje? No final de 2015, a atriz entrou para o elenco recorrente da 2ª temporada da série original da Netflix Marco Polo



E em fevereiro deste ano, foi lançada a sequência de O Tigre e o Dragão, que se chama aqui O Tigre e o Dragão: A Lenda Verde, no qual Michelle retoma sua personagem Yu Shu Lien, na história que se passa 20 anos depois da primeira.




JOGUE AGORA:
O TIGRE E O DRAGÃO PARA GBA!


Nenhum comentário:

Postar um comentário